Páginas

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

LISBOA


http://2.bp.blogspot.com/_ap6EgFvZTSE/Sxg_AEGn26I/AAAAAAAAALE/ZQ6DqxYwwGw/s1600/despedidas3.gif
( Imagem retirada da Galeria do Google)


O que você fez Do nosso amor
Por que tudo teve de acabar assim?
Toda alegria transformada em dor
Eu sem você, e você sem mim.

Eu sei que não fui nenhum malfazejo
Não fui leviana com sua pessoa
Quando te falei sobre meu desejo
De ser tua amiga querido Lisboa.


A tua resposta foi aceitação
Trocamos abraços, estavas passivo
Nada demonstrou, pois de antemão
Em te não havia sinais depressivo.

Palavras tão simples, consequências forte.
De uma vira volta tudo aconteceu
Daí ocorreu tua triste morte
Muitos te amaram ninguém te esqueceu.


Escrito por Lindalva Aragão (minha mãe).  Esse poema foi criado baseados nos sentimentos dela depois da morte do meu Pai (ele se chamava Lisboa), que pelo alcoolismo viu sua vida se findar.

Abraço a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê sua opinião, fique a vontade, não se acanhe! Obrigada pela Visita!!!!